Hot Spot Special : A Child of the Jago, London

A Child of the Jago é o título e assunto do livro de Arthur Morrison, publicado pela primeira vez em 1896 na Grã-Bretanha vitoriana, para expor o desespero e depravação existente na favela Jago, de Shoreditch, e nome da descolada loja de Joe Corré, que, para quem não conhece, é fundador da Agent Provocateur e filho da maravilhosa Vivienne Westwood.

Desde o seu lançamento, em 2009, um filho do Jago continuou a defender, criar e produzir pequenas tiragens de roupas com extrema qualidade. "Desde o início a nossa filosofia tem sido a de fornecer um antídoto ou "anti marca" para o rolo compressor que é a moda produzida em massa e roupas estéril que polui o nosso ambiente e nossas mentes", explica Corré.

As coleções masculinas e femininas que adentram a loja fogem do lugar-comum de primavera-verão ou outono-inverno, como as peças de Jack Sheppard. A ideia é que as roupas não estejam no sistema da moda da qual conhecemos. A roupa tem que acontecer "Como era no Jago: a rua é seu palco". Afinal de contas, ele é filho da mãe do punk. Total Hot Spot de Londres! 

A Child of the Jago
10 Great Eastern Street
Ec2a 3nt
Londres





Photos: Fernanda Calfat


A Child of the Jago

A Child Of The Jago is the title and subject of Arthur Morrison’s book first published in 1896 to much uproar in Victorian Britain for exposing the desperation and depravity existing in the Jago slum of Shoreditch. 

Since it’s launch in 2009 A Child Of The Jago has continued to champion, create and produce small runs of fine quality clothing. 

Since our inception our philosophy has been to provide an antidote or ‘anti brand’ if you like, to the branded juggernaut of mass-produced fashion and sterile clothing that pollutes our environment and our minds. 

2014 sees the introduction of a new line of mens and by popular demand ladies wear, Jack Sheppard. 

We are not a part of the ‘fashion system’ producing mass conformity and consumption; our clothes are designed to look great until they rot off your back whatever the year or season!… As it was in the Jago, the Street is our stage.